ESAEducationHomeMeteorologia e ClimaMudança GlobalDesastres Naturais
   
Meteorologia
Vento FoehnMeteosat InteractivoImagens do Meteosat
Clima
Clima AfricanoA Corrente do GolfoEl NiñoClima dos HimalaiasExplora o mundo e o clima com JP ExplorerLago Chade
 
 
 
 
 
printer friendly page
Exercício 2: Altura da superfície do mar
 
As correntes quentes, como a Corrente do Golfo, sofrem grandes variações na altura da superfície do mar (ASM). Com a ajuda de satélites, podemos recolher séries cronológicas de imagens que nos permitem observar o comportamento da corrente ao longo de diferentes períodos de tempo.
 
Conforme referido anteriormente, a altura da superfície do mar flutua ao longo das diferentes estações devido à expansão e contracção térmicas, mas outros factores, como o vento e as marés, também contribuem para a sua variação. Para conseguir quantificar as alterações na altura da superfície do mar, temos de ter um nível de referência a partir do qual procedemos à medição. Este nível de referência é denominado "geóide" e representa a altura da superfície do mar quando não são tidos em consideração quaisquer factores externos. A sua forma é determinada pela diferente distribuição da gravidade em todo o mundo.  
 
Simplified illustration of Satellite Altimetry components
Altimetria é a técnica utilizada para fornecer medições do nível do mar, com a ajuda de sensores de radar activo, denominados altímetros. Os altímetros de radar emitem impulsos de radiação de microondas regulares para a superfície. Este sinal é então reflectido e recolhido pelo sensor. O altímetro regista o tempo que demora até que o feixe emitido regresse ao sensor, assim como a magnitude do impulso.

Com esta informação, o sensor consegue calcular a altura da superfície do mar subtraindo a distância medida em relação à superfície da água, da altura conhecida da órbita do satélite acima do Elipsóide (nível de referência). A superfície do mar pode ser expressa em termos da sua posição em relação ao geóide (altura da superfície do mar acima do geóide). Um valor negativo significa que está mais baixa do que o geóide, enquanto que um valor positivo significa que está mais alta do que o geóide.

Para obter resultados de boa qualidade, é possível combinar diferentes dados de altímetros. Mais uma vez, compostos de imagens multi-sensoriais podem fornecer o equilíbrio perfeito entre a resolução espacial e temporal. As imagens compostas mensais fornecidas para o exercício que se segue são imagens multi-sensoriais recolhidas pelo altímetro Poseidon-2 na missão Jason-1 e o RA-2 da Envisat.
 
 
Exercício LEOWorks
 
Abre uma das imagens ASM fornecidas (GulfStream.zip file).

1. Analisa a imagem ASM e a sua escala. O que representam os valores negativos na escala? Que corrente oceânica traça o "limite" entre a água abaixo e a água acima do geóide?

2. Observa a água com valores negativos. Porque são os níveis desta água tão baixos em comparação com a água no Giro do Atlântico Norte?

Faz agora uma animação com a série de dados ASM fornecidos de Julho de 2011 a Julho de 2012. Observa como a altura da superfície do mar varia ao longo do ano.

Abre Tools/Animation (Ferramentas/Animação). Adiciona as imagens e selecciona uma velocidade de animação adequada.

3. Analisa a série cronológica da imagem. Onde encontramos as alturas máximas do Atlântico Norte?

4. Qual é a estação durante a qual a altura da superfície do mar parece diminuir? Se uma diminuição na altura do mar está relacionada com a contracção da coluna de água devido às baixas temperaturas, porque não parece mais baixa durante o mês de Dezembro?

5. Pesquisa a imagem ASM mais recente da Corrente do Golfo. Compara-a com a série cronológica fornecida e descreve quaisquer diferenças e/ou semelhanças que consigas identificar.


 
 
 


A Corrente do Golfo
Introdução
Informação de Base
O Giro do Atlântico NorteCorrentes da superfície do mar
Exercícios
Exercício 1: Temperatura da superfície do marExercício 3: Turbilhonamentos
Eduspace - Software
LEOWorks 4 (MacOS)LEOWorks 4 (Linux)LEOWorks 4 (Windows)
Eduspace - Download
GulfStream.zip
 
 
 
   Copyright 2000 - 2014 © European Space Agency. All rights reserved.