A nova estação terrestre da ESA nos Açores está pronta para efectuar rastreios do Ariane e do ATV

Cerimónia de inauguração da nova estação da ESA em Santa Maria, nos Açores
17 Janeiro 2008

A nova estação de rastreio em Santa Maria, nos Açores, foi inaugurada por Gaele Winters, Director de Operações e Infra-estruturas, e pelo Prof. Mariano Gago, Ministro Português da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, hoje, 17 de Janeiro de 2008.

Vodcast
Play now | Download

A estação fará o rastreio do Ariane-5 e também dos lançadores Vega e Soyuz, que serão lançados em breve a partir do porto espacial da ESA em Kourou, na Guiana Francesa, na América do Sul.

A estação terrestre cumprirá o seu dever ao rastrear um Ariane 5 que transportará o primeiro Automated Transfer Vehicle (ATV) da ESA denominado "Jules Verne", cujo lançamento está agendado para Fevereiro deste ano.

O ATV será usado para abastecer a Estação Espacial Internacional (ISS) com equipamento experimental, peças sobresselentes, comida, água e ar.

Na cerimónia de inauguração em Santa Maria, Gaele Winters, o director de Operações e Infra-estruturas da ESA, referiu: "É com muito prazer que inauguro a primeira infra-estrutura ESA em Portugal. A Estação de Santa Maria não se limitará a melhorar as capacidades de rastreio para suportar novas trajectórias dos lançadores. Com o próximo lançamento do ATV, suportará também uma das maiores contribuições da ESA para a ISS."

ESA ESTRACK - new Santa Maria station inauguration
Antena principal da estação de Santa Maria

Situada no Monte das Flores, na ilha mais a sul dos Açores, Santa Maria, a cerca de 1450 Kms a oeste do continente, a estação receberá dados de telemetria de lançadores e ajudará a determinar a sua trajectória exacta.

A trajectória de lançamentos de Kourou passará primeiro a 200 km a sul da ilha e 1080 km a norte para a segunda órbita. Toda a estrutura da antena mede 8 metros e pesa cerca de 3,5 toneladas.

A antena parabólica principal com 5,5 metros de diâmetro será usada para receber sinais de rádio na banda S, adequada a todos os tipos de lançadores. Apontará automaticamente para o foguetão quando este passar a uma velocidade de até 28000 km por hora, com uma precisão melhor do que 150 miligraus.

ESA's ESTRACK Santa Maria station
Infra-estruturas da estação

A estação de rastreio de Santa Maria foi construída com o apoio de Portugal através da Região Autónoma dos Açores.

Foi concluída por um consórcio industrial liderado pela Carlo Gavazzi Space SpA, com a Indra como o subcontratante a construir a antena, a GlobalIEDA e a SEGMA a implementar a infra-estrutura da estação e a Edisdoft a suportar as operações da antena. O custo total da estação é de cerca 4,5 milhões de euros.

Para mais informações:

J. Pedro V. Poiares Baptista
Head of Office for Support to New Member Countries
ESA/ESTEC
Tel: +31-71-565-4319
E-mail: Pedro.Baptista@esa.int

Manfred Lugert
Head of Ground Facilities Operations Division
ESA/ESOC
Tel: +49-6151-90 4110
E-mail: Manfred.Lugert@esa.int

Copyright 2000 - 2014 © European Space Agency. All rights reserved.