Acesso à banda larga apoia operações de salvamento durante o tsunami

Aceh Media Centre
5 Outubro 2005

Os terminais de acesso à banda larga do projecto 'Pacific Skies' apoiado pela ESA estão a ser utilizados na região de Aceh, na Indonésia, palco do devastador tsunami de 2004. As necessidades de comunicações das Organizações Não-Governamentais (ONGs) e das populações locais estão a ser reunidas numa área que sofreu graves danos infraestruturais.

O serviço está a ser desenvolvido em cooperação com a Fundação AirPutih. Uma das atribuições principais da fundação é fornecer recursos de telecomunicações de emergência e um centro de media/internet para actualização das notícias da região.

Os recursos permitem a troca de dados numa vasta área e o acesso a informações como estatísticas de desalojados e identificação de estradas transitáveis, que constituem informações muito importantes para quem presta auxílio no terreno.

O centro de media e internet está situado na cidade de Calang, em Aceh Jaya, e é dirigido em cooperação com a organização ambientalista ‘Fauna and Flora International’. Está equipado com cinco computadores portáteis e está aberto tanto à população local como às ONGs.

O Pacific Skies é um esforço conjunto da New Skies, empresa sediada na Holanda, e da Newtec, da Bélgica, que fornece os serviços de redes e satélites. O sistema fornece comunicações de dados bidireccionais a velocidades comparáveis a uma ligação de banda larga doméstica europeia. Isto proporciona aos utilizadores finais um serviço de e-mail, internet e mensagens rápido e fiável.

A banda larga por satélite pode salvar vidas

O navio-hospital USNS Mercy prestou cuidados médicos especializados a alguns dos sobreviventes da tragédia. Antes da internet sem fios estar disponível, as comunicações entre o navio e a costa eram efectuadas através de transmissões de rádio por voz, que muitas vezes eram distorcidas.

Estas dificuldades foram solucionadas pela ligação da internet sem fios, que se tornou num meio vital para os esforços do USNS Mercy. A ligação à rede ajudou a acelerar a transferência de doentes e de informações médicas e tornou-se no principal meio de comunicação, permitindo salvar vidas.

Fundação AirPutih

A AirPutih apoia as actividades de mais de 30 organizações, incluindo o Gabinete de Coordenação dos Assuntos Humanitários das NaçõesUnidas (UNOCHA), a Flora & Fauna International, os Serviços para Refugiados dos JesuítasJesuit Refugee Services, bem como a Lembaga Adat Panglima Laot, uma organização de ajuda local.

Além disso, a AirPutih colabora com várias agências governamentais locais, coordenando as operações de salvamento, reconstrução e reabilitação em Aceh e Nias, e com instituições educacionais, como a Universidade Syah Kuala e o Instituto Estatal da Indonésia para os Estudos Islâmicos (IAIN).

Copyright 2000 - 2014 © European Space Agency. All rights reserved.