Com lançamento marcado para 10 de Setembro, o satélite GOCE espreitará o interior e a superfície da Terra

GOCE posicionado para verificação do alinhamento
1 Setembro 2008

A Agência Espacial Europeia está prestes a lançar a missão mais sofisticada de sempre para investigação do campo gravitacional terrestre e de cartografia do geóide (modelo físico da forma da Terra).

Oferecendo uma resolução e uma precisão sem precedentes, o satélite GOCE (sigla em inglês de Explorador do Campo Gravitacional e da Circulação Oceânica) será colocado numa órbita de baixa altitude, quase heliosíncrona. O lançamento, feito a partir do cosmódromo de Plesetsk, 800 Km a Norte de Moscovo, será às 16:21 CEST de quarta-feira, 10 de Setembro. O lançador russo, Rockot, está a cargo dos serviços de Lançamento Eurockot, sociedade constituída pela EADS Astrium e pelo Centro Espacial Khrunichev (Rússia).

Pesando uma tonelada, a nave da ESA leva a bordo seis acelerómetros de última geração, com elevada sensibilidade, para medir os componentes do campo gravítico nos três eixos. A partir dos dados recolhidos será possível obter uma mapa de alta resolução do geóide – a superfície de referência do planeta – e detectar anomalias gravíticas. Este mapa não só contribuirá para melhorar o conhecimento da estrutura interna da Terra como também será utilizado para os estudos do clima e de oceanografia, incluindo alterações a nível do mar, circulação oceânica e dinâmica de calotes polares. Espera-se que os resultados do GOCE tenham muitas aplicações em climatologia, oceanografia e geofísica, assim como para actividades de geodesia e posicionamento.

Building a picture of the gravity field
Construir uma imagem do campo gravítico

No desenvolvimento desta missão, a ESA, os seus sócios industriais (45 companhias europeias dirigidas pela Alenia Thales Space) e a comunidade científica enfrentaram um gigantesco desafio técnico, desenhando um satélite que se encontra suficientemente próximo de forma a recolher dados de alta precisão sobre o campo gravítico da Terra, enquanto filtra o ruído causado pela atmosfera em órbita baixa (a uma altitude de apenas 260 km). O resultado é um satélite de cinco metros de longitude, em forma de flecha para uma melhor aerodinâmica, com propulsores de baixa potência para compensar o atrito atmosférico.

O GOCE é a primeira missão CORE do programa de exploração da Terra (Earth Explorer) iniciado em 1999 para fomentar a investigação sobre a atmosfera terrestre, a biosfera, a hidrosfera, a criosfera e o interior do planeta, assim como as interacções entre todos estes sistemas e o impacto das actividades humanas nos processos naturais. Será a primeira de uma série de missões, cinco das quais a serem lançadas nos próximos anos.

Outras duas missões CORE estão já em desenvolvimento e foram seleccionadas por tratarem de temas que geram grande interesse por parte do público: a ADM-Aeolus para a dinâmica da atmosfera (2010) e a Earthcare que se dedicará ao balanço radioactivo da Terra (2013). Além destas, preparam-se outras três missões, mais pequenas, no âmbito do Earth Explorer: a CryoSat-2, para medir a espessura das camadas de gelo (2009); SMOS para medir a humidade do solo e a salinidade oceânica (2009); e a Swarm, para vigiar a evolução do campo magnético (2010).

ESA mission controllers in simulation for GOCE launch
Simulação para o lançamento do GOCE no ESOC

Na altura do lançamento do GOCE, a ESA abrirá um Centro de Imprensa na ESA/ESRIN, em Frascati, Itália, das 14:00 às 20:00, de 10 de Setembro, a partir do qual se poderá acompanhar a transmissão do lançamento (entre as 15:00 e as 18:15).

A transmissão em directo do lançamento incluirá imagens de Plesetsk e dos centros de controle de missão na ESA/ESOC, em Darmstadt, Alemanha (mais pormenores sobre a transmissão com sinal de televisão em http://television.esa.int). Dirigentes da ESA e especialistas de missão estarão disponíveis em ESRIN para explicações e entrevistas. O público poderá seguir as retransmissões de vídeo através do site: http://www.esa.int/goce.

Os representantes dos meios de comunicação que desejem seguir o evento na ESA/ESRIN, ou a partir de outros centros da ESA, deverão preencher o formulário anexo e enviá-lo ao respectivo centro.

Para mais informação:

Franco Bonacina
ESA Spokesman and Head of Media Relations Office
Communication and Knowledge Department
Tel: + 33 1 5369 7299
Fax: + 33 1 6369 7690
e-mail: Franco.Bonacina@esa.int

Dieter Isakeit
Head of the ESA/ESRIN Corporate Communication Office
Communication and Knowledge Department
Tel. +39 06 94180 950
Fax +39 06 94180 952
e-mail: Dieter.Isakeit@esa.int

Copyright 2000 - 2014 © European Space Agency. All rights reserved.