Contagem decrescente para a missão da ESA à Estação Espacial Internacional MagISStra

14 Outubro 2010

Em latim magistra significa professora. A terceira missão europeia de longa duração à Estação Espacial Internacional terá um nome muito semelhante: MagISStra.

Quando em Dezembro o astronauta italiano da ESA, Paolo Nespoli, partilhar a nave Soyuz TMA com o companheiro russo Dmitri Kondratyev e a colega da NASA Catherine Coleman, terá pela frente seis meses de experiências e trabalho árduo.

Durante a sua missão MagISStra, Paolo vai viver e trabalhar na Estação Espacial Internacional (ISS) com Kondratyev e Coleman, membros das Expedições 26 e 27.

Durante a estadia, os astronautas ainda terão oportunidade de dar as boas-vindas à última missão planeada de vaivém da Europa e do Japão, antes de regressarem à Terra, em Maio de 2011.

Porquê MagISStra?

O símbolo da missão MagISStra

A ESA lançou um concurso europeu em Junho passado para nomear a missão de Paolo até que foi escolhido o nome sugerido por Antonella Pezzani, de Itália.

O nome com um «sabor» latino combina a palavra magistra, professor, com o acrónimo da Estação Espacial Internacional, dando continuidade à tradição da ESA de ter a sigla ISS no nome da missão. MagISStra também traduz os valores humanísticos da missão, já que reflecte a ligação especial à educação. Esta é uma das três dimensões do voo, juntamente com a ciência e a tecnologia.

O logotipo da missão apresenta um homem, que pode ser o próprio Paolo, projectado a partir da ISS. O valor da missão para a Terra está simbolizado por três ícones entre os braços: a planta que representa a investigação científica, as rodas simbolizando a tecnologia e o livro que representa o conhecimento.

As seis estrelas representam os seis tripulantes a viver na Estação durante a missão e os seis meses que Paolo irá ficar no espaço, tal como a ideia da Europa.

Missão científica

Paolo Nespoli e os seus companheiros de missão visitaram esta semana o centro de controle para o módulo laboratorial Columbus, em Oberpfaffenhofen, na Alemanha.

A investigação científica sera uma das suas principais actividades durante a missão. Serão feitas mais de 30 experiências, desde a pesquisa humana, física de fluidos, radiação, biologia e demonstrações de tecnologia.

Paolo também irá fazer experiências para as agências espaciais americana, japonesa e canadiana.

Como parte do programa educacional, as crianças poderão seguir a iniciativa internacional «Mission X: Train Like na Astronaut», que gira em torno da saúde, bem estar e nutrição, e seguir ainda o projecto de uma estufa especial no espaço.

O Paolo também irá com a nova câmara 3D da ESA para mostrar a Estação Espacial de uma nova forma.

Novo site: esa.int/Magisstra

Para mais informações sobre a missão MagISStra visite www.esa.int/magisstra.

O site, lançado esta semana, disponibiliza a informação mais recente, vídeos e fotos da missão e mensagens ocasionais do próprio Paolo. É o seu shortcut para a ISS nos meses que se seguem!

Copyright 2000 - 2014 © European Space Agency. All rights reserved.