Galileo: contratos para os primeiros satélites

Claudio Mastracci and Prof. Sir Martin Sweeting
O Sr. Mastracci e o Prof. Sir Martin Sweeting assinaram um dos primeiros contractos para o Galileo
16 Julho 2003

Os contratos para os primeiros satélites Galileo foram assinados na passada sexta-feira, dia 11 de Julho, no ESTEC, o centro de investigação e tecnologia da Agência Espacial Europeia.

"O Galileo está a tomar forma em cada dia que passa. Estes primeiros contratos simbolizam uma decisão colectiva europeia para desenvolver o primeiro sistema civil global de navegação por satélite", afirmou Claudio Mastracci, Director dos Programas de Aplicações da ESA.

Os contratos referem-se a dois satélites experimentais, percursores da fase de validação em órbita do sistema, um dos quais irá ser lançado durante o segundo semestre de 2005, de modo a assegurar as frequências reservadas para o sistema Galileo através da União de Telecomunicações Internacional; os sinais têm de ser emitidos até, o mais tardar, Junho de 2006, de modo a preservar a prioridade atribuida quando se fez o pedido de frequências.

Claudio Mastracci (ESA) and Olivier Colaïtis ( from  Alcatel)
O Sr. Mastracci, Director dos Programas de Aplicações da ESA e o Sr. Olivier Colaïtis da Alcatel

Um contrato com um valor de 27,8 milhões de euros, foi concedido à empresa britânica Surrey Space Technology Limited. A maior tarefa deste satélite teste, que irá ter uma massa na descolagem de 400 kg, é a de transmitir os sinais Galileo de uma das órbitas a ser usada pela constelação.

Este satélite irá também testar várias tecnologias críticas que se irão encontrar a bordo, incluindo o relógio atómico rubídio e um sinal gerador. Ele também irá medir os parâmetros físicos da órbita e o ambiente específico no qual a futura constelação irá operar. Este será o primeiro satélite europeu colocado numa órbita terrestre média.

De modo a minimizar os riscos de atrasos, fallha no lançamento, etc, uma contracto para construir outro satélite foi também estabelecido com o consórcio Galileo Industries (*). Este contrato tem um valor de 72,3 milhões de euros.

Artistic view  of  Galileo
O sistema Galileo irá ser construído em torno a 30 satélites

Este satélite, que terá uma massa de 525 kg na descolagem, irá ser mais representativo dos quatro que serão usados para validar o sistema Galileo em órbita. Com uma carga útil muito semelhante à dos satélites que irão formar a constelação completa, ele irá servir para validar todas as tecnologias que se pretendem usar. Ele também poderá ser usado na própria fase de validação do sistema.

Ambos os satélites estão programados para ser lançados pela Starsem, a companhia que é responsável pela gestão do lançador Soyuz de Baikonur.

"Isto é um verdadeiro desafio que estabelecemos para nós próprios, em parceria com os nossos parceiros industriais europeus, e o prazo é muito apertado, mas nós fizemos tudo para aumentar as probabilidades a nosso favor", disse René Oosterlinck, Chefe do Departamento de Navegação da ESA.

O sistema Galileo irá construir cerca de 30 satélites (27 operacionais e três de reserva) estacionados em três órbitas terrestres médias circulares, a uma altitude de 23 616 km e com uma inclinação de 56° relativamente ao equador. Esta configuração irá fornecer excelente cobertura para todo o planeta. Dois centros Galileo irão ser criados na Europa para controlar as operações do satélite e gerir o sistema de navegação.

Desenvolvido pela ESA e pela União Europeia numa base de cofinanciamento a 50-50, o Galileo irá ser um sistema civil completo, programado para ser operacional a partir de 2008, oferecendo aos utilizadores na Europa e através do mundo, um serviço exacto e seguro de posicionamento por satélite.

(*) Galileo Industries é um consórcio composto pela Alcatel Space Industries (F), Alenia Spazio (I), Astrium GmbH (D), Astrium Ltd (UK) e Galileo Sistemas y Servicios (E).

Para mais informações, contacte por favor:

Simonetta Cheli
Head of Public and Institutional Relations Office
ESA/ESRIN
Tel: + 39 06 94180350
Fax: + 39 06 94180952
E-mail: simonetta.cheli@esa.int

Copyright 2000 - 2014 © European Space Agency. All rights reserved.