Imagens da aproximação a Fobos

As primeiras imagens a 7 de Março
15 Março 2010

Foram publicadas hoje as imagens obtidas pelo satélite Mars Express durante a sua aproximação a Fobo, no passado dia 7 de Março. Estas fotografias mostram a superfície desta lua rochosa de Marte, com um elevado nível de detalhe e uma resolução de 4,4 metros por pixel. Estas imagens servirão para estudar os lugares propostos para a aterragem da próxima missão Phobos-Grunt.

O satélite da ESA Mars Express encontra-se numa órbita elíptica em torno do Planeta Vermelho, o que lhe permite aproximar-se de Fobos a cada cinco meses. É o único satélite em órbita marciana que se afasta de tal forma do planeta que lhe permite estudar a natureza desta enigmática lua.

Tal como a nossa Lua, a Fobos mostra sempre a mesma face ao seu planeta, pelo que só é possível observar a sua face oculta numa passagem pelo exterior da sua órbita. A Mars Express realizou esta manobra nos passados dias 7, 10 e 13 de Março de 2010 e aproveitou esta ocasião para recolher dados científicos com os seus instrumentos de bordo.

Phobos in 3D

A lua Fobos é um corpo irregular que mede uns 27 x 22 x 19 km. A sua origem continua sendo objecto de debate. Parece que partilha muitas das características superficiais dos asteróides ‘carbonáceos de tipo C’, o que sugere que possa tratar-se de um de estes asteróides, capturado pelo campo gravítico de Marte. No entanto é difícil explicar tanto o mecanismo de captura como a evolução da sua órbita até esta ficar alinhada com o plano equatorial de Marte. Uma hipótese alternativa sugere que se formou em torno de Marte, sendo um resquício do período de formação planetária.

No ano 2011 a Rússia enviará a missão Phobos-Grunt (Solo de Fobos) que aterrará nesta lua marciana, recolherá amostras do seu solo e irá trazê-las de volta à Terra para sua análise posterior.

Phobos em 3D

Para garantir a segurança das operaciones e da aterragem, os locais propostos para a aterragem da missão Phobos-Grunt encontram-se na face oculta de Fobos, na região compreendida entre os 5°S-5°N e os 230-235°E. A câmara de alta resolução HRSC, a bordo da Mars Express, já recolheu imagens desta região durante as aproximações a Fobos de Julio-Agosto de 2008, no entanto, as melhores condições de esta nova série de aproximações, com uma melhor iluminação do Sol, permitirão obter novas imagens da zona que serão de grande utilidade para a equipa responsável pela planificação da missão.

Está previsto que as estações de seguimento da ESA participem no controle da missão Phobos-Grunt, recebendo os dados de telemetria e analisando a sus trajectória, o que incluiria a implementação de técnicas de Interferometría de Base Muito Longa (VLBI). Esta cooperação irá realizar-se com base no acordo de colaboração entre a Agência Espacial Federal Russa e a ESA, no âmbito dos projectos ‘Phobos-Grunt’ e ‘ExoMars’.

A Mars Express continuará a aproximar-se de Fobos, até ao final de Março, quando esta lua ficar finalmente fora do seu alcance. Durante as restantes aproximações, a câmara HRSC e os outros instrumentos continuarão a receber dados.

More information

Local de aterragem da sonda Phobos-Grunt

Univ.-Prof. Dr. Gerhard Neukum
Freie Universitaet Berlin
Mobile: +49 171-7647177
Tel: +49 30 838 70579; +49 30 838 70575
Email:  gneukum @ zedat.fu-berlin.de

Prof. Dr. Ralf Jaumann
German Aerospace Center
Phone: +49 30 67055-400
Fax: +49 30 67055-402
Email:  ralf.jaumann @ dlr.de
Olivier Witasse
ESA Mars Express project scientist
ESTEC, The Netherlands
Email: owitasse @ rssd.esa.int

Updates as the flybys take place will be posted on the Mars Express blog.

Copyright 2000 - 2014 © European Space Agency. All rights reserved.