Missão X : alunos portugueses participam em competição internacional

André a fazer exercício no espaço
7 Fevereiro 2012

Nas próximas seis semanas, 330 alunos – de 8 escolas portuguesas e uma de Moçambique – participam na competição internacional Missão X, promovida pelas agências espaciais europeia e americana. O lançamento da iniciativa, que visa promover a alimentação saudável e o exercício físico, juntou, no passado dia 2 de Fevereiro, seis escolas no Pavilhão do Conhecimento, em Lisboa, num evento que incluiu muito desporto e uma ligação direta à Estação Espacial Internacional.

Trajados com T-shirt da ESA, as centenas de alunos, vindos do norte ao sul do país, espalharam-se pelos vários espaços do Pavilhão, onde estiveram instalados trampolins, skates, bolas. Tudo isto para treinar os abdominais, o equilíbrio, a capacidade de reação. Um dia de festa, cujo ponto alto foi a ligação por videoconferência ao astronauta da ESA, André Kuipers.

Minutos antes da ligação, Ana Mafalda Guimarães, aluno da EBI de S. Bruno, em Caxias, estava nervosa, apesar de ter treinado muitas vezes o inglês da pergunta que queria fazer: a estação espacial já foi atingida por um meteorito? Outras perguntas feitas pelos alunos portugueses foram: quantas horas se dorme a bordo da Estação ou é possível fazer exercício físico, vestido com um fato de astronauta. No final do dia, Rosária Alves, do Ciência Viva, coordenadora da participação portuguesa na competição, estava muito satisfeita com o sucesso do evento de lançamento. Mas admite que o grande desafio agora é que os hábitos saudáveis adquiridos durante as seis semanas da competição perdurem após o fim da mesma. «O mais difícil é manter os miúdos motivados», diz. «Por isso é que muito importante envolver a escola e também as famílias na questão da alimentação», continua.

Os alunos portugueses a fazerem perguntas ao astronaut da ESA

A Misssão X é uma iniciativa mundial, apoiada pela ESA e outras agências espaciais nacionais, concebida para encorajar um estilo de vida saudável e ativo em crianças com idades entre os 8 e os 12 anos. Os astronautas inspiram as crianças a comer de forma saudável e a praticarem exercício com regularidade.

No ano passado, a Missão X inaugural incluiu 12 países, 11 agências espaciais e mais de 4000 crianças.

Este ano, a competição cresceu para mais de 10000 crianças. Países como o Japão e a Colômbia regressam e juntam-se a eles participantes como Porto Rico e Moçambique.

Da Europa estarão em competição, além de Portugal, a Áustria, Bélgica, República Checa, Dinamarca, França, Alemanha, Itália, Holanda, Espanha, Suécia, Suiça e Reino Unido.

Com exercício físico e alimentação saudável os alunos ganham pontos. A ESA atribuirá um prémio à equipa europeia com a mais alta pontuação no final da competição.

Exercícios no exterior do Pavilhão do Conhecimento

«Esta é uma iniciativa que permite conciliar parte do programa de ciências, em particular a astronomia que é uma área que interessa muito aos miúdos. Os alunos estão muito entusiasmados», diz a professora Adelaide Ferreira, da Escola Pedro Jacques de Magalhães, em Alverca do Ribatejo.

Como explicou o astronauta André Kuipers, no espaço é preciso estar muito em forma e por isso os astronautas fazem pelo menos duas horas de exercício por dia A quantidade de comida ingerida e o número de horas de exercício são controlados cuidadosamente.

Mission X logo 2012

As crianças vão precisar de treinar no duro nas próximas seis semanas para terem hipótese de ganhar o prémio da Missão X. Se alguma criança se queixar por causa do suor, devem lembrar-se de que o André e os seus companheiros de tripulação não podem tomar duche na Estação Espacial – podem apenas ‘lavar-se’ com toalhetes.

Copyright 2000 - 2014 © European Space Agency. All rights reserved.