"Science fiction - science fact": nova lição de vídeo "Space-in-Bytes"

Science fiction provides inspiration for scientists and engineers who build real spacecraft
19 Dezembro 2008

Quer se trate da USS Enterprise da série "O Caminho das Estrelas" ou da icónica estação espacial do filme2001: A Space Odyssey, a ficção científica foi sempre uma fonte de inspiração e ideias para os cientistas e engenheiros que concebem e constroem naves espaciais verdadeiras.

A linha, muitas vezes ténue, entre a literatura de ficção científica e os desenvolvimentos decorrentes da actividade espacial constitui o cenário para a mais recente lição de vídeo da ESA "Space-in-Bytes", intitulada "Science fiction - science fact".

Inspirando-se em conhecidos escritores de ficção científica, tais como Arthur C. Clarke, H.G. Wells e Júlio Verne, o vídeo compara estações espaciais reais e ficcionais, naves espaciais tripuladas e explica de que modo as viagens interplanetárias da ficção científica serviram de inspiração a gerações futuras de cientistas e engenheiros.

ISS after addition of Japanese Kibo module
Comparisons between factual and fictional space stations

"Science fiction - science fact" faz parte de uma série de curtas lições de vídeo denominada "Space-in-Bytes", desenvolvida pela Direcção de voos espaciais tripulados (Directorate of Human Spaceflight) da ESA. Destinada a alunos do ensino secundário e superior, bem como aos respectivos professores, a série "Space-in-Bytes" apresenta informações científicas "compactas", oferecendo um ponto de partida para posterior investigação individual ou na sala de aula.

O vídeo é acompanhado por notas, que incluem explicações científicas de alguns dos conceitos ilustrados no vídeo. A lição tem como objectivo oferecer a professores e alunos mais informações acerca dos tópicos abordados no vídeo e sugerir exercícios programaticamente relevantes que possam ser resolvidos nas aulas.

"Science fiction - science fact", e os vídeos "Space-in-Bytes" anteriores estão disponíveis para "download" em 12 idiomas de Estados- Membros da ESA.

Copyright 2000 - 2014 © European Space Agency. All rights reserved.